Moção de repúdio a Reforma trabalhista e da Previdência é aprovada

por Câmara Municipal de Estância Velha publicado 15/03/2017 11h18, última modificação 15/03/2017 11h18
Matéria foi assinada por todos os parlamentares

Foi aprovada por unanimidade, na Sessão Ordinária da última terça-feira, 14, a Moção de Repúdio a Reforma trabalhista e da previdência. A matéria foi assinada por todos os parlamentares e será encaminhada para todos os deputados gaúchos.

Inicialmente assinada pelos Vereadores Lotário Seevald (Saci) e Veridiana Monteiro (Veri), seguindo ordem de seu partido, a Moção foi retirada na última Sessão para que pudesse ser assinada por todos os parlamentares e encaminhada para todas as bancadas.

Na mesma noite mais seis matérias foram analisadas.

Dois projetos partiram do Legislativo, os PLs 010/2017, do Vereador Diego Francisco, que “ dispõe sobre a obrigatoriedade de inclusão de alimentos orgânicos na alimentação escolar no âmbito do sistema municipal de ensino”; e 022/2017, da Vereadora Veridiana Monteiro (Veri), que “ institui a semana municipal de enfrentamento ao abuso e exploração sexual infanto-juvenil no âmbito da cidade de Estância Velha”. Ambas as matérias foram aprovadas por unanimidade.

As demais quatro matérias, falavam sobre o reajuste anual para Prefeita, Vice- Prefeito, Secretários, Vereadores, servidores do Legislativo e Servidores do Executivo. Para os servidores de ambos os poderes foi proposto 5,35% referente à inflação, mais um reajuste de 2,29%. Para Prefeita, Vice- Prefeito e Vereadores foi proposto somente o valor da inflação.

O Projeto referente ao reajuste dos Vereadores foi aprovado por maioria, sendo contrários os Vereadores Marcia Ribeiro e Diego Francisco. As demais matérias foram aprovadas por unanimidade.

A próxima Sessão Ordinária ocorre na terça – feira, 21, às 19 horas, no Plenário da Câmara Municipal. E como de costume haverá transmissão ao vivo pelo YouTube pelo canal da Casa. 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados