Conhecendo um pouco sobre a trajetória do Vereador Carlos Bonne

por Câmara Municipal de Estância Velha publicado 06/06/2018 10h50, última modificação 06/06/2018 10h50
Matéria da Semana trás um pouco da trajetória do Vereador Carlos Bonne, está é a segunda Máteria apresentando um pouco sobre nossos Vereadores, já postamos aqui um pouco sobre a trajetória do Vereador João de Godoy. A cada semana apresentaremos um Vereador.

 

Aos 42 anos, Carlos Bonne está em seu primeiro mandato como Vereador, no entanto, tem por si que tudo que fazemos desde que nascemos, mesmo sem dar-nos conta tem fundo político, porém assumiu este exercício, mais conscientemente, quando assinou sua ficha de filiação com o PDT – Partido Democrático Trabalhista, fundado pelo saudoso Leonel de Moura Brizola, em 2011, Carlos Bonne foi influenciado pelo meu cunhado Voltér Trein, filho do saudoso ex-prefeito Nestor Trein e da ex-vereadora Lúcia Trein, do então presidente e hoje atual presidente do PDT municipal, Sr. Plínio dos Santos e um dos nossos maiores representantes pedetistas no município de Estância Velha, Sr. Jorge Vargas.

Antes de iniciar sua vida pública, formou-se em 1992, na cidade do Alegrete-RS, em Técnico em Agropecuária, na então conhecida Escola Agrotécnica Federal do Alegrete – EAFA, em julho de 1993 mudou-se para Estância Velha, trabalhou no Curtume Spengler como responsável pelo Tratamento de Efluentes entre outros trabalhos. Entre 2002 e 2011 esteve morando na Europa, Espanha e Portugal, trabalhando em diversos setores construindo e ampliando sua visão sociocultural e política. Retornando para Estância Velha em 2011, passou a trabalhar com construção e reformas em geral e, desde então procura estar comprometido com o andamento político do município.

Segundo o Vereador Carlos, a política, na sua essência, é a chave para o progresso geral. Na eleição de 2012, tendo retornado a um ano a Estância Velha, esteve acompanhando o partido em seu primeiro pleito ativo onde seu irmão concorreu como vereador, ficando como suplente. Pouco mais de 4 meses após retornar ao Brasil, passou a residir no loteamento COOPERLAGA, no bairro Campo Grande, loteamento o qual estava buscando sua regularização desde 2004. Em 2015 foi eleito presidente do mesmo, desde então, tem buscado a regularização do loteamento junto a prefeitura, assumiu para si, a responsabilidade de ajudar cerca de 500 famílias em torno de 2.000 pessoas direta em indiretamente. Segundo o Vereador, foi neste momento que sentiu o peso da responsabilidade, mas muito mais, o prazer de poder ajudar no processo social e político de desenvolvimento do loteamento, que se reforçou ainda mais com o convite para concorrer a uma vaga no Poder Legislativo, o qual aceitou e hoje tem a satisfação de ser um representante dos anseios de toda nossa comunidade estanciense.

Na visão do Vereador, Estância Velha é um município que ainda vive de comparações com o passado próspero ligado ao setor coureiro. Hoje Estância Velha, por diversos motivos, tem a possibilidade de reescrever a sua história em busca de um futuro bem alicerçado no presente, como deve ser, para isto, todos temos nossas soluções que por vezes divergem do pensamento atual da gestão do executivo como é natural levando em conta a avaliação pessoal de cada um. Segundo ele, tem como premisse, uma política feita sem favores particulares, olhando sempre o bem social e comum, onde as pessoas que já prestam serviço ao município (concursados), sejam valorizados e bem utilizados, dentro de suas capacidades, para a evolução do sistema, evitando criação de cargos de chefias sem conhecimento técnico que acabam colocando nosso desenvolvimento em risco, ou inchaço com CCs (cargos de Confiança) e estagiários desnecessários. Em resumo, devemos tratar com respeito as pessoas e o dinheiro público, que por ser público é de todos, assim como preparar nosso município para o futuro social, industrial e político.

Carlos Bonne enquanto Vereador, tem como objetivo representar seu povo de Estância Velha, ajudar no desenvolvimento de políticas públicas para bem alicerçar a estrutura do nosso município, honrando nossos fundadores assim como as futuras gerações. Assim, tem trabalhado arduamente nesta casa, apresentando bons projetos para benefício da população, segundo o Vereador, o seu projeto mais especial é o projeto VIGILÂNCIA SOLIDÁRIA,  sua criação foi baseada e pensada no bem social, na segurança e no direito constitucional de ir e vir de todo cidadão, no intuito de unir a comunidade, analisado e aprovado previamente pelas forças de segurança e pela secretaria de administração do município, veio para tornar Estância Velha um município unido e prestativo, socialmente envolvendo a todos os munícipes em uma causa que tanto nos afeta diariamente, a SEGURANÇA PÚBLICA.

Para ele, o fundamental para ser um bom vereador, é ser agradecido pelo poder de ajudar recebido, ter humildade no dia a dia, compreender que estamos a serviço e representamos nosso povo; ter pensamentos voltados para o social e a clara certeza de tudo fazer para contribuir para desenvolvimento social, cultural e político e assim deixar um legado ao povo.

Mensagem do Vereador à comunidade: Acreditem, a política é a solução, se falha, é por que nossos representantes são humanos e, algumas vezes fracos. No entanto, temos que entender que os fracos, falaciosos, aproveitadores, mal intencionados, podem e devem ser substituídos por pessoas fortes, éticos e com sentido comum. Para que consigamos nos aproximar desta utopia política. Devemos, cada um de nós, entender e valorizar o poder do voto popular, nossa arma mais forte no caminho da mudança, devemos ainda, nós como eleitores, compreender a força que temos e termos uma conduta forte, ética e com sentido comum, pois o político vem do povo, e um povo instruído, digno, comprometido e forte sempre irá buscar eleger seu representante dentro destes adjetivos.

 

 

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados